SEMAS promove ação de acolhimento e faz levantamento socioeconômico de recicladores no Aterro Sanitário de Alagoinhas

Pensando em ações afirmativas que colaborem para o desenvolvimento socioeconômico e também ambiental é que a Prefeitura de Alagoinhas por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS) realizou na manhã desta quinta-feira (12) um encontro com recicladores independentes.

Durante a ação realizada no Aterro Sanitário de Alagoinhas, equipes da SEMAS apresentaram programas sociais, aplicaram questionários socioeconômicos e ofereceram um café da manhã especial ao grupo de trabalhadores. A iniciativa é parte de uma medida acordada entre município e Ministério Público, via Termo de Ajuste de Conduta (TAC). Deste modo as atividades serão coordenadas em parceria entre as secretarias de desenvolvimento econômico e meio ambiente, assistência social, saúde,  e lideradas pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESEP).

Interessada em conhecer a realidade dos trabalhadores, a SEMAS aplicou um questionário socioeconômico a fim de levantar dados sobre cada um deles no sentido de poder elaborar estratégias e oferecer alternativas que atendam suas necessidades. “Nós queremos conhecê-los para poder contribuir da melhor forma de acordo com as competências da SEMAS. Por isso estamos realizando um trabalho em conjunto, para atender os recicladores de maneira mais ampla e eficaz”, pontua Ludmilla Fiscina, subsecretária de assistência social.

Na oportunidade foram realizados cadastramentos no Programa Bolsa Família, ACESSUAS Trabalho, direcionando os trabalhadores aos cursos oferecidos pelo projeto e direcionamentos sobre o combate ao trabalho infantil, orientado pela equipe do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). Além de encaminhamentos para confecção de documentos ou segunda via, como por exemplo, RG e Carteira de Trabalho.

Após os estudos sobre o levantamento de dados, a SEMAS irá desenvolver ações direcionadas às necessidades do grupo de recicladores, além de realizar os encaminhamentos necessários para outras áreas da administração municipal, caso necessário. Ainda de acordo com a subsecretária outras atividades serão desenvolvidas com os trabalhadores da CORAL e da COORPEC. “A motivação é recuperar o aterro e garantir que as pessoas que trabalham com reciclagem tenham condições dignas. A SESEP já está fazendo sua parte e toda a gestão está empenhada em colaborar”, afirma Ludmilla.

 

Por: Prefeitura de Alagoinhas

Use o Facebook para comentar sobre este post